segunda-feira, 20 de julho de 2015

As 7 coisas que este homem fez para perder 99 quilos sem fazer dieta

Em 2001, Jon Gabriel pesava cerca de 160 quilos.

Seu peso era um grande problema em todas as áreas da vida dele.

Ele sofria de triglicérides elevados, apneia do sono e uma dezena de outros problemas de saúde relacionados ao excesso de peso.

Jon Gabriel tentou todas as dietas possíveis para perder peso, mas não conseguiu.

Tudo mudou no dia 11 de setembro do mesmo ano.

Ele ia fazer uma viagem de avião.

Estava programado para voar de Newark até San Francisco naquele dia.

Efoi só por uma casualidade que ele não pôde tomar o voo 93 da United Airlines, que foi sequestrado por terroristas e caiu na Pensilvânia sem sobreviventes.

Foi a partir dessa fato ocorrido no trágico 11 de setembro de 2001 que Jon percebeu que a vida era uma oportunidade preciosa que ele estava desperdiçando.

Entendeu que o seu peso ao longo do tempo iria matá-lo e decidiu fazer algo para evitar isso.

Nos dois anos seguintes, Jon perdeu quase 100 quilos sem pílulas, sem dieta ou cirurgia.

E, graças a isso, escreveu o livro O Método Gabriel, que se tornou best-seller e foi traduzido em 14 idiomas.

Agora você vai saber as sete coisas que Jon Gabriel fez para perder 99 quilos sem fazer dieta:



1. ELE PAROU DE FAZER DIETA E COMEÇOU A NUTRIR O CORPO Jon aprendeu que seu corpo precisava de certos nutrientes e passouu a se procupar com o que comia.  Se queria comer doces, pizza ou fast food, ele comia.  Mas, pouco a pouco, ele foi perdendo o gosto por esse tipo de comida e passou a preferir os alimentos saudáveis. 2. ELE MELHOROU A DIGESTÃO Jon descobriu que seu sistema digestivo estava funcionando mal e não assimilava o que seu corpo precisava. Então ele passou a comer muitos alimentos fermentados, tomar probióticos e enzimas digestivas para normalizar a digestão. 3. ELE TRATOU SEU PROBLEMA DE APNEIA A apneia do sono é uma condição que afeta muitas pessoas com excesso de peso.  Ela cria um ambiente hormonal que estimula o ganho de peso, elevando os níveis de cortisol e aumentando a vontade de comer junk food, além de causar a resistência à insulina.  Jon tinha esse problema e resolveu se tratar, pois sabia que era essencia para perder peso. 4. ELE COMEÇOU A USAR PRÁTICAS "MENTE-CORPO" PARA REDUZIR O ESTRESSE O estresse também provoca níveis elevados de cortisol e alterações hormonais.  Isso aumenta a compulsão por comida e leva o seu corpo a armazenar mais alimentos.  Jon passou a meditar todos os dias e isso ajudou a reduzir o estresse. 5. CRIAR UMA VIDA MAIS SUSTENTÁVEL Jon diminuiu seus gastos: mudou-se para uma casa mais barata e passou a cultivar a própria comida.  Com isso, ele começou a se sentir mais sereno e seguro.  Quando ele estava com fome, ele ia para o jardim e fazia algo novo e cheio de vitalidade.  O resultado: seu metabolismo começou a acelerar de forma rápida. 6. ELE COMBATEU ALGUNS DOS SEUS PRINCIPAIS PROBLEMAS EMOCIONAIS Jon começou a resolver traumas do passado e isso o fez se sentir mais seguro.  Quando você combate seus problemas emocionais e parar de sentir que a gordura deixa você mais seguro (muitas pessoas com sobrepeso sentem isso), seu corpo vai funcionar melhor e vai perder peso mais rápido.  Jon diz que, quando quebrou a parceria com a gordura, tudo se tornou mais fácil. 7. ELE DESINTOXICOU O CORPO Depois de haver perdido 81 quilos, Jon passou a pesquisar sobre toxinas e como elas agem no corpo.  Ele descobriu que o corpo utiliza células de gordura para armazenar o excesso de toxinas.  Jon compreendeu com a descoberta que para perder mais 18 quilos (que era sua meta) precisava eliminar toxinas.  E iniciou um processo de desintoxicação do corpo. Ele tomou líquidos alcalinos, muita água com limão, vinagre de maçã, sucos verdes e muitas saladas.  Esse foi o truque que fez Jon Gabriel emagrecer de forma ainda mais rápida. - See more at: 

http://www.curapelanatureza.com.br/2015/07/as-7-coisas-que-este-homem-fez-para.html#sthash.dkRRUqeR.t2Su7rsa.dpuf


sexta-feira, 17 de julho de 2015

A CONFUSÃO MENTAL DOS IDOSOS (UTILIDADE PÚBLICA )

A CONFUSÃO MENTAL DOS IDOSOS (UTILIDADE PÚBLICA )
( leia, é pequeno, importante e sério )
Principal causa da confusão mental no idoso

Arnaldo Lichtenstein, médico
Sempre que dou aula de clínica médica a estudantes do quarto ano de Medicina, lanço a pergunta:
- Quais as causas que mais fazem o vovô ou a vovó terem confusão mental?
Alguns arriscam: *"Tumor na cabeça".
Eu digo: "Não".
Outros apostam: "Mal de Alzheimer"
Respondo, novamente: "Não".
A cada negativa a turma se espanta.... E fica ainda mais boquiaberta quando enumero os três responsáveis mais comuns:
- diabetes descontrolado;
- infecção urinária;
- a família passou um dia inteiro no shopping, enquanto os idosos ficaram em casa.
Parece brincadeira, mas não é. Constantemente vovô e vovó, sem sentir sede, deixam de tomar líquidos.
Quando falta gente em casa para lembrá-los, desidratam-se com rapidez.
A desidratação tende a ser grave e afeta todo o organismo. Pode causar confusão mental abrupta, queda de pressão arterial, aumento dos batimentos cardíacos ("batedeira"), angina (dor no peito), coma e até morte..
Insisto: não é brincadeira.
Na melhor idade, que começa aos 60 anos, temos pouco mais de 50% de água no corpo. Isso faz parte do processo natural de envelhecimento.
Portanto, os idosos têm menor reserva hídrica.
Mas há outro complicador: mesmo desidratados, eles não sentem vontade de tomar água, pois os seus mecanismos de equilíbrio interno não funcionam muito bem.
Conclusão:

Idosos desidratam-se facilmente não apenas porque possuem reserva hídrica menor, mas também porque percebem menos a falta de água em seu corpo. Mesmo que o idoso seja saudável, fica prejudicado o desempenho das reações químicas e funções de todo o seu organismo.
Por isso, aqui vão dois alertas:
1 - O primeiro é para vovós e vovôs: tornem voluntário o hábito de beber líquidos. Por líquido entenda-se água, sucos, chás, água-de-coco, leite, sopa, gelatina e frutas ricas em água, como melão, melancia, abacaxi, laranja e tangerina, também funcionam. O importante é, a cada duas horas, botar algum líquido para dentro. Lembrem-se disso!
2 - Meu segundo alerta é para os familiares: ofereçam constantemente líquidos aos idosos. Ao mesmo tempo, fiquem atentos. Ao perceberem que estão rejeitando líquidos e, de um dia para o outro, ficam confusos, irritadiços, fora do ar, atenção. É quase certo que sejam sintomas decorrentes de desidratação.
"Líquido neles e rápido para um serviço médico".
(*) Arnaldo Lichtenstein (46), médico, é clínico-geral do Hospital das Clínicas e professor colaborador do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).
Gostou?
Então divulgue.


domingo, 12 de julho de 2015

11 plantas que vão purificar o ar de sua casa e diminuir as crises de alergia

Você sabia que algumas plantas têm forte capacidade purificadora do ar?

Todas as plantas, é verdade, ajudam a melhorar a qualidade do ar.

Mas algumas são especiais.

E por isso vale a pena arrumar um jeito de conseguir uma ou mais dessas plantas e colocá-las espalhadas em nossa casa.

As plantas produzem oxigênio, um poderoso eliminador de poluentes presentes no ar da casa.

Quer melhorar sua saúde respiratória?

Traga plantas para dentro de casa.

E tudo isso é comprovado cientificamente.

O engenheiro ambiental Bill Wolverton, ex-pesquisador da Nasa e autor do livro "Plants: how they contribute to human health and well-being" ("Plantas, como elas contribuem para a saúde e o bem-estar"), explica que, durante as missões da base espacial Skylab, mais de 100 tipos de substâncias poluidoras foram encontradas dentro das naves espaciais.

Constatado o fato, cientistas e pesquisadores da Nasa se mobilizaram para descobrir soluções para o controle do problema antes que as missões se iniciassem.

Então, a U.S. Environmental Protection Agency (EPA - Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos) vistoriou prédios públicos como escritórios, hospitais e creches, e neles identificou mais de 900 poluentes transportados pelo ar.

O elemento prevalecente era o formaldeído (formol).

Altamente tóxico, esse composto é tido como cancerígeno é utilizado em vários materiais de construção e também em móveis, vidros, espelhos, roupas e até no papel higiênico.

Além de formaldeído, as pesquisas revelaram a presença de benzeno, xileno e tricloroetileno (componentes de tintas, monitores, tapeçarias, fotocopiadoras e cigarros), bem como do clorofórmio (encontrado na água potável), amoníaco, álcool e acetona (carpetes e cosméticos), todos nocivos à saúde.

A pesquisa terminou numa bela surpresa: as plantas são poderosos filtros naturais contra a poluição.

Pesquisadores identificaram várias plantas de fácil cultivo capazes de neutralizar a poluição interna.

Entre as plantas com capacidade de purificar o ar, destacam-se a hera-inglesa, a samambaia, a babosa, o lírio-do-campo e a dracena.

Para melhorar a qualidade do ar em casas e escritórios, Wolverton sugere a utilização do maior número possível de plantas que um ambiente permita.


Ele também diz, no mesmo livro, que devemos ter pelo menos uma planta na nossa zona de respiração pessoal, como no escritório, na sala ou perto da cama.

Essa medida ajuda a prevenir problemas de saúde tais como alergias, irritações de pele, dores de cabeça e problemas respiratórios.

Vamos agora mostrar as 12 plantas, segundo o estudo da Nasa, com maior capacidade de purificar o ar:

1. Hera-inglesa (Hedera helix L.)



2. Lírio-da-paz (Spathiphyllum wallisii Regel)


3. Espada de São Jorge (Sansevieria trifasciata)


4. Clorofito (Chlorophytum comosum)


5. Dracena-de-madagascar (Dracaena marginata Hort.)


6. Babosa (Aloe vera)


7. Jiboia (Epipremnum pinnatum)


8. Ráfia (Rhapis excelsa)


9. Gérbera (Gerbera jamesonii Adlam)




10. Azaleia (Rhododendron simsii Planch.)


11. Samambaia (Nephrolepis exaltata)


http://www.curapelanatureza.com.br




terça-feira, 7 de julho de 2015

A verdade sobre o Activia


E-mail afirma que o iogurte Activia, da Danone, é composto de bactérias vindas das fezes humanas!
Antes de começarmos, uma coisa deve ficar bem clara aqui: NÃO estamos fazendo propaganda de nenhum produto e/ou de nenhuma marca.
Como fazemos há vários anos, estamos apresentando os fatos e tentando desmistificar os boatos que rodam as nossas caixas de entrada. Nesse caso, a Danone está sendo a “vítima” do boato e, por isso, seu nome e o do seu produto aparecerão nessa nossa pesquisa.
Em forma de artigo, assinado por uma nutricionista, o texto afirma que o iogurte Activia, da Danone, que auxilia no funcionamento regular do intestino, seria feito a partir de fezes humanas.
Começamos a receber essa mensagem em setembro de 2009. Um texto com informações desencontradas, citando nome de uma empresa conhecida e assinado por uma nutricionista que não existe. Parágrafos inteiros escritos em letras maiúsculas dão um tom alarmista ao conteúdo. Tudo isso nos leva a crer que, mais uma vez, estamos lidando com um típico hoax da internet.
Logo nos primeiros parágrafos temos:
Bifidobacterium animalis é uma bactéria anaeróbica gram-positiva encontrada nos intestinos de animais de grande porte, inclusive humanos.
E em um outro parágrafo mais abaixo:
Muitas empresas têm tentado registrar subespécies específicas como uma técnica de marketing,renomeando estas subespécies com rótulos pseudo-científicos.
O autor do texto não disse de onde ele tirou essas duas afirmações. Apenas jogou um texto entre aspas e o leitor menos atento aceita os parágrafo sem se questionar da veracidade. Se você quiser testar, copie um dos dois parágrafos acima e cole no Google. O resultado mostrará apenas os blogs e sites que reproduziram o texto, ou seja, é uma cópia da cópia.
O leitor dessa nossa pesquisa poderia estar pensando: “Puxa! Mas o autor pode ter retirado essas citações de algum livro! Por isso não aparece no Google!”.
Bem pensado, querido leitor! Mas você não acha que uma nutricionista formada, que tantos trabalhos academicos já deve ter feito em sua vida, não teria o cuidado de colocar o nome do autor e/ou nome do livro em seu “artigo”? Isso ajudaria até mesmo para dar mais credibilidade ao texto.
Na verdade, a Bifidobacterium animalis é uma bactéria que realmente está presente no intestino humano, mas isso não quer dizer que colocaram fezes no iogurte. Conforme a própria Danone afirma em seu site, ” é obtido da replicação em meio de cultura estéril, da mesma forma que outros fermentos utilizado em iogurtes, queijos, pães e etc. Não é absolutamente obtido de fezes. “.
Também entramos em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor da Danone, e a resposta foi a mesma:
Sr Gilmar, bom dia!
Sobre seu contato, a Danone gostaria de esclarecer que:
– O Dan regularis é o nome comercial do bacilo exclusivo da Danone, registrado com nome científico Bifidobacterium animalis, cepa DN 173 010, no Instituto Pasteur em Paris, onde estão depositadas as amostras deste bacilo
– O Danregularis que você encontra em Activia é obtido da replicação em meio de cultura estéril, da mesma forma que outros fermentos utilizado em iogurtes, queijos, pães e etc. Não é absolutamente obtido de fezes.
– O Bifidobacterium animalis não apresenta nenhuma característica que irrite ou agrida a mucosa intestinal, já que outras espécies do gênero Bifidobacterium podem ser encontradas naturalmente no trato intestinal de indivíduos saudáveis. Não seria possível “viciar” o organismo em um bacilo, já que este é um ser vivo e não um produto químico.
De acordo com o excelente blog Alimentação sem Mitos, em seu artigo sobre o Bifidobacterium animalis, Gaby, Nutricionista formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, nos mostra que “Todos os iogurtes têm bactérias, pois são elas que fermentam o leite para que ele se transforme em iogurte. E esse tipo específico de bactérias contidas nesse iogurte apresenta alguns outros benefícios à saúde, o que caracteriza o alimento que contém esse tipo de bactéria como probiótico: alimento que além de nutrir por si só, oferece benefícios à saúde.“.
E mais: em um outro artigo publicado pela professora da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP, Susana Saad, explica que “Os microorganismos probióticos sobrevivem ao trato gastrintestinal humano e ocupam o intestinoEles produzem compostos inibidores como as bacteriocinas, proteínas que inibem a proliferação de microorganismos patogênicos, causadores de diarréia e outras doenças.“.
Em um dos parágrafos, o texto afirma:
NÃO, você não está enganado. São as FEZES HUMANAS., SIM, SIM E SIM!
Como já mostramos em várias pesquisas aqui no E-farsas, a prática de se utilizar letras minúsculas dentro do texto dá um tom alarmista ao assunto, é feito para se chamar a atenção. Cá pra nós… você acha que fariam iogurte de fezes humanas e ninguem tomaria nenhuma providencia até hoje?
Prosseguindo no texto:
O motivo pelo qual a bebida láctea Activia ajuda na digestão é o simples fato de que a bactéria adicionada pela Danone pertence a uma cepa mais irritante para a mucosa intestinal, que ao entrar em contato trata de expelir o mais rapidamente possível o material fecal.
Pense conosco: Se no começo do texto, a autora (ou o autor) afirma que o Bifidobacterium animalis já está presente em nosso intestino, porque mais abaixo é dito que a bactéria causa irritação na mucosa intestinal?
Ah! Porque é uma cepa mais irritante da bactéria! Sei…
Então, nesse caso, o autor estaria afirmando que a tal bactéria seria um tipo tratado, ou seja, não é um “bichinho” simplesmente tirado de um cocô e colocado no iogurte. Ou então, o tal do Bifidobacterium animalis que é usado para se fazer o Activia estaria sendo retidado das fezes de pessoas que já estariam com diarréia? Difícil de acreditar!
De qualquer maneira, o texto não é de todo perdido. Num dos parágrafos, o autor (ou autora) aconselha:
Mas, sinceramente, prefira as verduras ao leite de cocô doce.
Segundo a nutricionista responsavel pelo blog Alimentação sem Mitos, uma alimentação saudável, a base de verduras e legumes e rica em fibras, em conjunto com a prática de exercícios físicos ajuda bastante no bom funcionamento do intestino. “Mas,” – afirma a nutricionista – “em algumas fases da vida, em que o intestino fica mais preguiçoso, como durante a gestação e pessoas com idade mais avançada, eu acho que é melhor usar esse tipo de iogurte do que o uso de laxantes.“.
Nas últimas linhas:
EM OUTRAS PALAVRAS, A TAL DE BEBIDA LÁCTEA TEM MERDA MESMO!!!!!!
Outra vez, o uso de letras maiúsculas chama a atenção. Também é difícil de se acreditar que uma pessoa com nível superior escreveria um texto com um liguajar tão chulo.
E pra encerrar com chave de ouro, quem assina o “artigo” é uma nutricionista de São Paulo. Procuramos por “Marília C. Duarte” e o que encontramos foi um aviso no site do Conselho Regional de Nutricionistas, avisando o seguinte:
Os outros resultados para esse nome foram todos de blogs e sites que haviam reproduzido esse mesmo boato a respeito do iogurte.

http://www.e-farsas.com/a-verdade-sobre-o-activia.html


Rejuvelac: uma receita fácil para equilibrar a flora intestinal


Silvia Corbucci ensina como preparar o rejuvelac, uma bebida da alimentação viva produzida a partir de grãos germinados. A idealizadora do Cozinha Efêmera apresenta uma receita probiótica simples de ser feita e boa para estimular a digestão dos alimentos.

Make by Vega Magno

domingo, 5 de julho de 2015

As incríveis plantas alimentícias brasileiras que esquecemos de comer


As incríveis plantas alimentícias não-convencionais e super nutritivas existentes no Brasil que esquecemos de comer

Apesar de não notarmos, costumamos comer sempre os mesmos alimentos, o que não é só ruim para nossa saúde (pois sempre ingerimos os mesmos nutrientes), mas também para a agricultura familiar, para o bem-estar animal e para o envenenamento da terra. Mas como isso?

Na realidade, os alimentos que estamos acostumados a comer são alimentos exóticos, que vieram de outros climas e ambientes e que, portanto, não estão adaptados plenamente às condições climáticas e do solo de nosso país. Isso faz com que demandem mais cuidados e muitas vezes agrotóxicos e adubos químicos.

Enquanto isso, muitas plantas nativas do Brasil são ignoradas, mesmo quando estão presente no seu quintal ou na sua rua. Estas plantas são tão bem-adaptadas ao clima que quase não precisam de cuidados, podendo ser plantadas em qualquer quintal ou apartamento. Sem necessidade de manejo, elas ainda aportam nutrientes que são raramente encontrados nos alimentos que costumamos comer, como proteínas, por exemplo.

1. Abóbora do Mato (Melotria pendula): somente os frutos verdes devem ser comidos, em saladas, por exemplo.

[Imagem: 2u8ckua.jpg]

2. Aroeira Pimenteira (Schinus terebinthifolia): os frutos são a conhecida pimenta rosa.

[Imagem: 2gx3902.jpg]

3. Beldroega Pequena (Portulaca oleracea): folhas para sucos, sopas e saladas. É também medicinal.

[Imagem: 5dpan8.jpg]

4. Beldroega Grande (Talinum paniculatum): como a beldroega pequena suas folhas são usadas em saladas, sopas e sucos.

[Imagem: 351sv43.jpg]

5. Bertalha Coração (Anredera cordifolia): suas folhas podem ser refogadas ou usadas em saladas. Seus tubérculos aéreos são usados cozidos como batata.

[Imagem: nvt728.jpg]

6. Capuchinha (Tropeoalum majus): suas flores são usadas em saladas e suas folhas em saladas e sucos verdes.

[Imagem: 20t2o0n.jpg]

7. Caruru (Amaranthus viridis L.): parente da quinua – usam-se as folhas para saladas, refogados, recheios e patês. As sementes são usadas cozidas ou torradas, em recheios ou como cereal.

[Imagem: 11jyv4o.jpg]

8. Dente de Leão (Taraxacum officinale): é uma planta medicinal estimulante, digestiva e depurativa. Suas folhas podem ser comidas em saladas ou batidas em sucos verdes.

[Imagem: 309jvw9.jpg]

9. Hibiscus (Hibuscis sabdariffa): Apesar da origem africana, adaptou-se ao clima do país. De suas flores é feito o chá ou suco muito nutritivo. Suas sementes são ricas em proteínas e dela feita uma farinha que pode ser adicionada ao feijão. Seus frutos também são comestíveis. Não confundir com o hibiscus ornamental (Hibiscus rosa-sinensis)

[Imagem: 2cfv0p0.jpg]

10. Jaracatiá/Mamoeiro do Mato (Jaracatiá spinosa): Seus frutos fazem geleia e são muito apreciados quando maduros.

[Imagem: 2eknbir.jpg]

11. Língua de Vaca/Azedinha (Rumex acetosa): folhas apreciadas na salada. Não devem ser comidas em excesso pela presença de ácido oxálico.

[Imagem: 2upvcye.jpg]

12. Mamãozinho/Jaracatiá (Vasconcella quercifolia): seus frutos maduros são comestíveis e do seu caule é feito o doce ralado de jaracatiá.

[Imagem: 34dilb7.jpg]

13. Ora Pro Nobis (Pereskia aculeata): suas folhas são usadas refogadas, em sucos verdes, patês ou saladas. Suas folhas secas podem ser usadas como orégano ou como farinha. São ricas em ferro, proteínas e cálcio.

Antigamente, era conhecida como “carne dos pobres”, pois era a única fonte de proteínas da população miserável de nosso país. Fácil de cultivar, ela – sendo arbustiva – pode render alimento para o ano todo. Deve-se tomar cuidado ao colher, pois possui espinhos.

[Imagem: xaxn46.jpg]

14. Pepininho do Mato (Melothria cucumis): produz pepinos pequenos que podem ser comidos em saladas e usados para fazer picles.

[Imagem: dvijqx.jpg]

15. Pêssego do Mato (Eugenia myrciantes): fruto.

[Imagem: 30u49cx.jpg]

16. Picão/Carrapicho (Bidens pilosa): mais uma planta cujas folhas podem ser usadas em saladas.

[Imagem: 2yx43n7.jpg]

17. Serralha (Sonchus oleraceus): usam-se as folhas como salada e refogadas. É rica em vitamina A, D e E é similar ao espinafre.

[Imagem: 2hqdwty.jpg]

18. Serralhinha/Flor de Pincel (Emilia fosbergii Nicolson): folhas podem ser usadas em saladas e sucos verdes. Seu chá é útil contra infecções urinárias. Suas flores também são comestíveis e usadas em risotos, saladas, sopas etc.

[Imagem: 2hgd74h.jpg]

19. Taboa (Typha domingensis): os brotos e centro do caule podem ser usados como palmito. Das inflorescências (as "salsichas") tira-se o pólen que pode ser usado como cereal e em massas de pães e bolos - pode-se comê-lo cru. Por fim, a raiz pode ser cozida e tem o mesmo teor de proteína do milho e batata. Não colha taboas por aí, pois ela absorve metais pesados da água. Certifique-se que a água próxima das taboas é potável;.

[Imagem: dp730x.jpg]

20. Taioba (Xanthosoma sagitifolium): planta de sub-bosque, gosta de sombra e se adapta bem a sistemas agroflorestais. Suas folhas podem ser comidas refogadas. Seus tubérculos podem ser usados como mandioca ou inhame. Rica em vitaminas e minerais.

[Imagem: 16jm3c2.jpg]

21. Trançagem/Tanchagem (Plantago major): usam-se as folhas como salada e refogadas. É também usada como planta medicinal, como infusão no caso de ardor no estômago e cataplasma para feridas na pele, acne e picadas de inseto.

[Imagem: 9a69m1.jpg]

22. Urtiga/Cansanção (Urtiga dioica): usam-se as folhas somente refogadas, jamais cruas.

[Imagem: w6p4ig.jpg]

Observação para as MULHERES GRÁVIDAS: consulte o seu médico de confiança antes de introduzir qualquer alimento novo em sua dieta.

Fonte:
Ervas e Especiarias: As incríveis plantas alimentícias não-convencionais e super nutritivas existentes no Brasil que esquecemos de comer (adaptado)


http://forum.noticiasnaturais.com/Topico-as-incr%C3%ADveis-plantas-aliment%C3%ADcias-brasileiras-que-esquecemos-de-comer#ixzz3f3h7M0J7



quinta-feira, 2 de julho de 2015

Bicarbonato de sódio para a pele também.


Enxague de Acessórios Orais

Não deixe os odores manterem você de lábios fechados. Enxágüe
acessórios orais, como pontes, aparelhos bucais, e dentaduras, em uma solução de 2 colheres de chá de Bicarbonato de dissolvido em um copo ou pequena tigela de água quente. O Bicarbonato
de Sódio solta partículas de comida e neutraliza odores
para manter os acessórios limpos! Você também pode escovar e limpar os
acessórios utilizando o Bicarbonato de Sódio 

Massagem Facial e Esfoliação Corporal

Você é fã do auto-bronzeamento? Antes de aplicar produtos que lhe dão um ‘brilho’, dê a si mesmo uma revigorante, porém suave, massagem corporal com o Bicarbonato de Sódio A remoção de células mortas da pele a deixarão suave e macia, perfeita antes da aplicação. Faça uma pasta com 3 partes de Bicarbonato de Sódio para 1 parte de água. Esfregue em suave movimento circular para esfoliar a pele. Enxágüe. Suave o bastante para uso diário! Não esqueça  para ficar melhor ainda, hidrate sua pele logo em seguida! 

Cuidados com o Cabelo

Borrife uma pequena quantidade (cerca de um quarto) de Bicarbonato de Sódio na palma de sua mão, juntamente com seu shampoo favorito. Passe o shampoo como de costume, e enxágüe completamente. O Bicarbonato de Sódio ajuda a remover o resíduo que produtos de modelagem deixam para trás, de modo que seu cabelo fique mais limpo e mais controlável. 
Molho Relaxante para os Pés
Aqui está uma ótima maneira de começar sua pedicure caseira. Dissolva 3 colheres de sopa de Bicarbonato de Sódio em uma bacia de água quente e enxágüe os pés. Esfregue suavemente com uma pasta de Bicarbonato de Sódio.


Limpeza das Mãos

Dê uma mão a si mesmo com o Bicarbonato de Sódio Esqueça os sabonetes fortes, elimine a sujeira suavemente e neutralize odores nas mãos com uma pasta de 3 partes de Bicarbonato de Sódio para 1 parte de água, ou 3 partes de Bicarbonato de Sódio em seu sabonete líquido para mãos. Depois enxágüe. Sua pele também vai ficar mais macia!

Desodorante
Uma parada rápida. Coloque Bicarbonato de Sódio nas axilas, sempre que necessário para se sentir refrescante o dia todo. A mágica do Bicarbonato de de fato absorve odores ao invés de simplesmente disfarçá-los.

Refrescante Banho de Banheira
Na banheira, acrescente ½ xícara de Bicarbonato de Sódio ao seu banho de banheira para neutralizar os ácidos na pele e ajudar a eliminar o óleo e a
transpiração. Você sentirá sua pele suave como seda.


Que o seu alimento seja seu remédio, e que seu remédio seja seu alimento. (Hipócrates)